.arquivos

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Dezembro 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.posts recentes

. Sonho

. ...

. ...

. O Pássaro Chica-Amorica

. Tu

. A Boneca

. Sento-me

. ...

. Rosas que já tinham morri...

. No Inicio ...

.Nosso Amor
carlosalberto
Segunda-feira, 26 de Junho de 2006
As Moscas

Conta-se que certa vez duas moscas caíram num copo de leite.
A primeira era forte e valente, assim logo ao cair nadou até a borda do copo, mas como a superfície era muito lisa e ela tinha suas asas molhadas, não conseguiu sair. Acreditando que não havia saída, a mosca desanimou parou de nadar e de se debater e afundou.
A outra mosca não era tão forte mas era tenaz. Continuou a se debater, a se debater e a se debater por tanto tempo, que, aos poucos o leite ao seu redor, com toda aquela agitação, foi se transformando e formou um pequeno nódulo de manteiga, onde a mosca tenaz conseguiu com muito esforço subir e dali levantar voo para algum lugar seguro.
...
Tempos depois, a mesma mosca tenaz, por descuido ou acidente, novamente caiu no copo.
Como já havia aprendido em sua experiência anterior, começou a se debater, na esperança de que, no devido tempo, se salvaria.
Outra mosca, passando por ali e vendo a aflição da companheira de espécie, pousou na beira do copo e gritou:
- Tem um canudo ali, nade até lá e suba pelo canudo.
A mosca tenaz não lhe deu ouvidos, baseando-se na sua experiência anterior de sucesso e, continuou a se debater e a se debater, até que, exausta afundou no copo cheio de água.

publicado por contoselendas às 19:03
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De must be a 26 de Junho de 2006 às 20:39
É bem verdade que não só o homem é um animal de hábitos. Boa história que faz pensar... Parabéns!
De Nuno Marques a 28 de Junho de 2006 às 16:54
Ainda não sei ke tipo de mosca sou, mas continuo a tentar saber...

Boa tarde

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.favorito

. Mudam-se os tempos, mudam...

. Amor é fogo que arde sem ...

. Espectacular!

. Ser Transparente!

.links
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds